sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Bom Jesus da Lapa BA: Evento é aberto com presença de gestores públicos e irrigantes


A agricultura irrigada como instrumento de redução da pobreza extrema foi destacada pelo presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Elmo Vaz, durante a abertura da IX Frulapa e III Feira Territorial do Velho Chico na noite desta quinta (03), em Bom Jesus da Lapa, região do Médio São Francisco baiano.

“A Codevasf tem 300 mil hectares irrigados em todo o País. Isso representa 150 mil empregos diretos e outros 300 mil indiretos. Ou seja, somente nos perímetros irrigados, a Codevasf gera praticamente meio milhão de empregos, o que reforça a importância social da agricultura irrigada. Não existe custo mais baixo para gerar tantos empregos do que a irrigação”, afirmou o presidente da Codevasf. Os eventos, que estão sendo realizados conjuntamente, prosseguem até domingo (06), na sede do IFBaiano, no Projeto Formoso – perímetro irrigado onde se produz o segundo maior volume de banana do país e é gerido pela Codevasf -, e no estádio Benjamin Farah. Exposições, feira de artesanato, shows, cursos e palestras fazem parte da programação. A expectativa é de que cerca de 50 mil pessoas marquem presença ao longo dos quatro dias de eventos, que têm a Codevasf como uma das principais realizadoras.

“Essa feira é a vitrine do Projeto Formoso. Por meio dela, já foram alcançados inúmeros avanços científicos e tecnológicos para o perímetro. Por isso, fizemos questão de retomar a Frulapa depois de quatro anos como parte de um pagamento de débito histórico do município com o Formoso, porque Bom Jesus da Lapa é forte graças à tradicional romaria e à Codevasf, que teve a iniciativa de criar um perímetro irrigado aqui”, apontou o prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro. “A maior importância desse evento é que ele abre espaço tanto para o Projeto Formoso quanto para a agricultura familiar de sequeiro e o artesanato, por meio da Feira Territorial. E a Codevasf tem participação importante, investindo na ampliação dos rendimentos do perímetro, e, principalmente ajudando a construir um mundo novo, buscando a convivência com a seca, por meio de tantas ações, como a doação de cisternas, kits de irrigação e apicultura, perfuração de poços, criação de sistemas de abastecimento e tantas outras”, frisou o superintendente regional da Codevasf, Lourival Gusmão, também presente à abertura dos eventos conjuntos.

Estande da Codevasf
Em seu estande, a Codevasf está expondo algumas das principais ações desenvolvidas no Médio São Francisco baiano, principalmente em Bom Jesus da Lapa e no Território do Velho Chico, por meio de sua 2ª Superintendência Regional, baseada no município sede dos eventos. Atrai a curiosidade dos visitantes, por exemplo, um aquário com as espécies de peixes produzidas na estação de piscicultura mantida pela Codevasf em Ceraíma, Guanambi. Chama a atenção também uma cisterna de consumo de água idêntica às que estão sendo instaladas pela Companhia nas comunidades rurais da região, como parte das ações do programa Água para Todos, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional (MI) e executado pela Codevasf em sua área de atuação. Além disso, estão sendo exibidos vídeos, a maquete de um barreiro nos moldes dos construídos também no âmbito das ações do Água para Todos, bem como kits de apicultura e uma horta onde estão implantados kits de irrigação – material fornecido para famílias de agricultores inscritas no Cadastro Único de Programas Sociais do governo federal (CadÚnico), dentro do trabalho de inclusão produtiva do Plano Brasil sem Miséria.

Mesa redonda com irrigantes
As autoridades presentes à abertura do evento – entre eles, o secretário da Agricultura do estado, Eduardo Salles, o diretor de irrigação da Codevasf, Solon Braga, os prefeitos de Paratinga, Zequinha Dourado, e de Santa Maria da Vitória, Amário Santana, o coordenador do Conselho do Território Velho Chico, Dermeval Gervásio, o diretor do IFBaiano, Ariomar Rodrigues e o presidente do Conselho do Distrito de Formoso, Antônio Márcio – participaram de uma mesa redonda com os representantes de 11 distritos de irrigação geridos pela Codevasf: Formoso, Formosinho, São Desidério, Barreiras Sul, Nupeba/Riacho Grande, Mirorós, Estreito, Gorutuba, Curaçá, Mandacaru e Maniçoba. “Hoje o que está acontecendo é histórico. Não tenho conhecimento de que já tenha acontecido uma reunião como essa, com representantes de tantos distritos de irrigação em contato direto com representantes do poder público de diversas instâncias. A presença do presidente da Codevasf engrandece o evento e a importância desse encontro”, observou o secretário estadual de agricultura, Eduardo Salles. 

A Frulapa é voltada principalmente para o público de Bom Jesus da Lapa, município que é o maior produtor de bananas do Nordeste e o segundo maior do país devido ao desempenho do Projeto Formoso – perímetro irrigado mantido pela Codevasf. A produção desse perímetro cresceu 17% entre 2011 e 2012, ano em que alcançou R$ 112 milhões em valor bruto de produção – cerca de 160 mil toneladas foram comercializadas. O perímetro mantém sete mil empregos diretos e 10,5 mil empregos indiretos. “É motivo de grande satisfação, saber que estou aqui representando não só o Formoso, mas outros 10 distritos de irrigação nesse evento tão importante que é a Frulapa e a Feira Territorial. É uma oportunidade muito importante para repassar nossas dificuldades, e a conversa foi muito proveitosa. Com o apoio da Codevasf, com certeza iremos reforçar a importância social dos perímetros irrigados”, disse Antônio Márcio, presidente do Conselho do Distrito de Formoso.

Negócios e capacitação
A IX Frulapa é uma porta de entrada para novas oportunidades de negócios, já que atuais e potenciais clientes participam do evento. Também promove capacitação para os produtores com a oferta de cursos e palestras de especialistas. Alguns de seus principais objetivos são a potencialização do agronegócio da fruticultura irrigada, a abertura de novos mercados, o estímulo ao empreendedorismo rural, a facilitação do acesso a novidades tecnológicas e a troca de experiências. A Feira Territorial do Velho Chico contará com visitantes de toda a região, principalmente do Território de Identidade Velho Chico, que tem 370 mil habitantes e abrange área de 46.334,80 km2 de 16 municípios: Barra, Bom Jesus da Lapa, Brotas de Macaúbas, Carinhanha, Feira da Mata, Ibotirama, Igaporã, Malhada, Matina, Morpará, Muquém de São Francisco, Oliveira dos Brejinhos, Paratinga, Riacho de Santana, Serra do Ramalho e Sítio do Mato.

Perímetros ampliaram produção
A Codevasf é responsável pela gestão de 28 perímetros irrigados na bacia hidrográfica do São Francisco, os quais alcançaram R$ 1,4 bilhão em valor bruto de produção (VBP) em 2012 – 11% a mais do que em 2011. Deste valor, 42% provêm de produção familiar e 58% têm origem empresarial. No âmbito exclusivo da produção familiar, o crescimento foi de 17% em relação a 2011 – de R$ 517 milhões para R$ 605 milhões.

Ascom Codevasf

BAHIA: ADAB INTENSIFICA FISCALIZAÇÃO SANITÁRIA EM DIFERENTES REGIÕES

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário